Ainda é possível pedir a revisão do FGTS!

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

O Supremo Tribunal Federal (STF) adiou o julgamento que vai definir a forma de correção monetária do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A discussão do tema estava prevista para o dia 13 de maio de 2021, porém, até o presente momento, ainda não tem nova data.

Atualmente, a correção é feita pela Taxa Referencial (TR) fixada pelo Banco Central, ocorre que o próprio STF já se manifestou sobre a inconstitucionalidade da TR em outros processos, dispondo que tal índice não reflete a real inflação do país, causando perdas aos trabalhadores.

Com essa possível mudança, os trabalhadores com carteira assinada entre o período de 1999 e 2013, poderão receber uma correção e juros com base em um índice mais favorável, como INPC ou IPCA-E.

Todavia, em razão da possibilidade de reconhecimento pelo STF da prescrição quinquenal relativa ao índice de correção do FGTS, aconselhamos que os trabalhadores interessados ingressem com a ação de revisão antes do julgamento, garantindo assim seus direitos.

Para verificar se você faz jus a tal restituição, há a necessidade de uma análise, e para tanto, o AOL Advogados Associados está atento e apto a auxiliar nossos clientes na busca de uma economia legítima.

São Paulo, 19 de maio de 2021.
Equipe Trabalhista

Leia Também

Artigos

AFINAL, O QUE É O CONTRATO DE NAMORO?

As relações afetivas contemporâneas vêm ganhando contornos cada vez mais peculiares. Em uma recente pesquisa do Colégio Notarial Seção São Paulo, foi contabilizado um aumento

Logo - Centro - Branco

Localização

Rua Enxovia, 472, Conjuntos 1409/1412
Chácara Santo Antonio – São Paulo

Contatos

5186-9599 / 5186-9591 contato@aoladvogados.com.br